A maior palhaçada da semana eu acabei de ler hoje de manhã. Recebi através da lista de e-mails sobre ufologia em que participo, a notícia de que a Nasa, Agência Espacial Norteamericana, e o DARPA, Agência de Defesa, Pesquisa e Projetos Avançados, estão desenvolvendo um projeto, batizado de Nave de 100 Anos, para colonização de outros planetas. A ideia é enviar seres humanos para colonizar terras desconhecidas, de um planeta como Marte, por exemplo. Este grupo de seres humanos iriam para estas terras já sabendo de que jamais voltariam para casa. Com isso, os custos de pesquisa diminuiriam, visto que há pessoas morando nestas “novas terras”.

Mas vamos ser sinceros: estamos enfrentando tantos problemas em nosso próprio planeta, porque a necessidade de colonizar outros planetas? Ao invés de gastar milhões em um projeto como este, sem fundamento, poderiam gastar esta quantia em dinheiro para fazer pesquisas sobre como diminuir a poluição naquele país, que se não me engano, é o maior poluidor do nosso mundo, poderiam desenvolver pesquisas sobre como não utilizar energia morta para abastecer e movimentar veiculos, sobre como fazer para deter as suas próprias bombas nucleares. Poderiam ser mais humanos, e com esta quantia, comprar alimentos e suprimentos para enviarem a paises pobres e locais onde a fome impera, como a Etiópia.

É óbvio que nada disso tem interesse para os “magnatas do planeta”. Certamente encontraram alguma riqueza naquele mundo que é explorado, cujas informações só saem para a grande maioria da humanidade décadas depois de pesquisadas e confirmadas. Assim como encontraram prata e mercúrio na Lua, recentemente anunciando na mídia, talvez agora o foco seja “roubar” esses recursos desses lugares.

Acho incrível a falta de ética e de humanidade de nossos líderes. Infelizmente é assim que o nosso mundo é governado.